10 junho 2007

Pablo Neruda

Fragmento de um texto


... Morre lentamente quem evita uma paixão, quem prefere o "preto no branco" e os "pingos nos is" a um turbilhão de emoções indomáveis, justamente as que resgatam o brilho nos olhos, sorrisos e soluços, corações aos tropeços, sentimentos...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home